Tecnologia 5G: o que é mito e o que é verdade?

//Tecnologia 5G: o que é mito e o que é verdade?
  • Tecnologia 5G

Depois das conexões 1G, 2G, 3G e 4G, estamos diante do surgimento da 5ª geração da internet móvel. Essa nova geração desbloqueia todo um novo modo de conexão, que foi planejado para conectar virtualmente tudo e todos, incluindo máquinas, objetos e outros dispositivos. A tecnologia 5G foi projetada para fornecer mais velocidade, menos latência, mais confiabilidade, maior capacidade de rede, maior disponibilidade e uma experiência melhor para mais usuários.

A rede já deu seus primeiros passos em países como Alemanha, China, Estados Unidos e Japão. Porém, de acordo com o edital, aprovado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a tecnologia 5G deve chegar às 26 capitais do Brasil e no Distrito Federal em julho de 2022. Para todas as outras cidades com mais de 30 mil habitantes do país, o prazo é julho de 2029.

No entanto, com uma nova tecnologia como essa chegando, é comum que muitas dúvidas apareçam. Portanto, nesse post, você confere a resposta para algumas das principais perguntas sobre o assunto. Continue a leitura para descobrir!

A velocidade será mais alta? Tecnologia 5G.

A velocidade será mais alta?

Sim, e esse é um dos principais pontos do 5G. Hoje, com a internet 4G, o tempo de resposta quando você clica em uma imagem, por exemplo, é de aproximadamente 100 milisegundos. Com a conexão 5G, por outro lado, esse tempo de resposta cai para aproximadamente 1 milisegundo. Ou, quando você baixa um filme pela internet, o tempo cai de 35 minutos e 47 segundos com o 4G, para apenas 21 segundos com o 5G.

A velocidade média de uma rede da quarta geração hoje é na faixa de 100 a 200 Mbps, mas com a nova tecnologia será possível atingir de 10 a 20 Gbps. Portanto, o desempenho superior e a eficiência aprimorada dessa nova tecnologia permitem novas experiências para o usuário e conecta novos setores, bem como estabelecem a base da Indústria 4.0.

Será o fim das fibras ópticas? Tecnologia 5G

Será o fim das fibras ópticas?

Como todas as redes móveis sem fio anteriores, o 5G também funcionará com sinais de rádio. Mas, isso pode levar as pessoas a acreditarem que essa nova tecnologia funcionará inteiramente em frequências de rádio. No entanto, este não é o caso. Isso porque o 5G dependerá fortemente de redes de fibra, devido aos muitos recursos da tecnologia da fibra óptica que ajudarão o 5G a manter as transmissões de dados mais rápidas e estáveis, ​​com baixa latência e alta largura de banda. Ou seja, a implementação da quinta geração depende também da utilização de fibras ópticas, que continuará a ser uma ótima opção para a banda larga residencial. 

Serão necessários novos aparelhos para suportar essa tecnologia?

Serão necessários novos aparelhos para suportar essa tecnologia?

Nos últimos dos anos, desenvolvedores de infraestrutura trabalharam para construir redes 5G e testá-las com dispositivos que atendem ao novo padrão. Portanto, isso significa que seu smartphone existente não será capaz de receber um sinal 5G (a menos, é claro, que você já tenha atualizado para um dispositivo 5G no último ano e meio).

O novo padrão requer um novo dispositivo que pode atingir velocidades de download de 1 Gbps e, teoricamente, atingir um pico de 10 Gbps. Já existem alguns novos modelos que atendem aos requisitos, mas, nos próximos anos, podemos esperar cada vez mais aparelhos – desde os mais simples até os avançados – com essas novas configurações.

Faz mal à saúde?

Faz mal à saúde?

Existem muitos boatos que circulam pela internet sobre os efeitos negativos do 5G na saúde humana e animal. No entanto, são apenas boatos falsos. Não existem indícios científicos de que a radiação não-ionizante possa causar danos, pois a frequência utilizada pelo 5G, apesar de ser mais alta que a do 4G, ainda está muito longe de fazer algum mal. Além disso, o nível de potência que as estações transmitem também é extremamente baixo.  A própria Organização Mundial da Saúde (OMS) já oficializou que os serviços de telefonia celular são seguros para a saúde.

É uma tecnologia 5G é segura?

A tecnologia 5G é segura?

Muitos pensam que, através do 5G, será possível espionar, rastrear ou acabar com a privacidade das pessoas. No entanto, o 5G foi projetado com uma metodologia chamada “Security by Design”. Isso significa que existem controles de segurança para lidar com muitas das ameaças enfrentadas nas redes móveis atuais. Esses controles incluem novos recursos de autenticação mútua, proteção aprimorada da identidade e mecanismos de segurança adicionais.

O 5G fornece medidas preventivas para limitar o impacto a ameaças conhecidas, mas a adoção de novas tecnologias de rede introduz novas ameaças potenciais para gerenciar. Dessa forma, essa nova rede oferece ao setor de telefonia móvel, por exemplo, uma oportunidade sem precedentes de elevar os níveis de segurança de rede e serviço.

Gostou desse conteúdo? Então experimente conhecer o blog da Tecnun!
Toda semana tem sempre um conteúdo esperando por você. Descubra as principais tendências do mundo da tecnologia, leia entrevistas com profissionais de muito gabarito na área e receba dicas bem valiosas para o dia a dia de seu trabalho!

Conheça as nossas redes sociais!

Visite e nos siga no Instagram
Conheça e curta nossa página no Facebook
Se conecte e nos siga no LinkedIn

Referências: 

Sociedade 5G
Tom’s Guide
CNN
Qualcomm
G1 
GSMA

2021-07-12T18:54:30-03:00